segunda-feira, 12 de março de 2012

Arctic Monkeys - I Bet You Look Good on the Dancefloor


Já é um clássico do indie rock. Sim?

Tudo bem, vocês estão certo, talvez a palavra clássico seja forte demais para qualquer música dos anos 2000, afinal, precisamos de um bom tempo para determinar se algo é um clássico ou não. Mas vamos considerar que ao citar as bandas mais importantes para o indie rock, é impossível não passar por Arctic Monkeys (talvez Strokes seja a mais citada, mas a banda de Alex Turner deve vir logo em seguida). E se Arctic Monkeys tem essa importância toda, temos que considerar quais foram os hits da banda que a levaram para o patamar assumido hoje. Eu posso estar bem enganado, mas para mim, a música mais famosa - e por que não - importante da história dos macaquitos é I BET YOU LOOK GOOD ON THE DANCEFLOOR.

Na única vez que falei de Arctic Monkeys aqui foi de outro clas....grande trabalho deles, a não menos importante Fluorescent Adolescent... No entanto, creio que deveria ter começado por I Bet You Look Good on the Dancefloor, tanto por fazer parte do primeiro álbum deles, quanto por ser uma música completa! Sim, ela tem de tudo, não é átoa que apresentou da melhor forma possível o Arctic ao mundo. Tem uma entrada marcante com a guitarra, um vocal rápido e roqueiro, segundas vozes muito apropriadas ("you are dinamyte!"), um refrão matador (daqueles que fazem você voltar umas dez vezes até conseguir cantá-lo junto com o vocalista), e por fim, não deixa de lado a proposta de ser dançante como sugere o título, mesmo sendo inteira baseada em riffs de guitarra. Rock para dançar.

Ah, claro, em uma música completa a letra também é levada em conta, e nessa canção temos uma letra bem elaborada, repleta de referências a outras obras, às vezes até difíceis de capturar. Por exemplo, a frase "Seu nome não é Rio, mas eu não me importo com areia" remete a uma música do Duran Duran que conta sobre uma excêntrica garota chamada Rio que dança na areia. No refrão há referência ao livro 1984, de George Orwell, onde é dito que a garota se parece um robô de 1984. Isso porque no livro se diz que no futuro as pessoas não terão mais amor no coração, como os robôs. A falta de amor é um tema decorrente da música em si.

Se apenas o tempo dirá se esta música é um clássico ou não, melhor a gente gastá-lo da melhor forma possível, portanto! Quem sabe dançando um pouco de rock pra lavar a alma?!

___________

ps: essa é dedicada para minha amiga Gabê! She's dinamyte!

11 comentários:

Jeniffer Yara disse...

Essa música com certeza é um clássico do Arctic,mas ainda acho Fluorescente Adolescent a primeira marca da banda, não sei se por que foi a primeira música que ouvi deles,hm. E na minha humilde opinião, quando se fala de indie rock, com certeza Strokes é o mais citado,mas acho que The Killers vem em segundo lugar e Arctic talvez em terceiro. hehe' Mas sou fã das três bandas,então tudo bem.

Beijos
http://mon-autre.blogspot.com/

Mateus disse...

Mais uma banda que não conhecia (me sinto um et aqui hehehe). Uma música bem dançante e bem marcante, gostei! E gosto de letras bem elaboradas.

É, eu fiquei sumido mesmo, mas estou voltando agora. E prometo olhar os outros post, aliás sempre acho uma banda ótima aqui!
Abraços

Anônimo disse...

Mooo, como eu tava com saudade de ler seus textos! Seu blog é mto mto mto você, super animado!

Tbm tava com saudade dessa música!
Adorei saber das curiosidades!

te amo<3
bjs

fangirl disse...

AHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHH!
*sem voz*
*vai atrás de própolis e romã*

fangirl disse...

*mais contida, volta*
C*CETE!
Se ainda não ficou claro, eu sou completamente alucinada e tresloucada por essa música. Me faz lembrar do tempo em que eu ficava 'hei, vocês já ouviram isso?' nos corredores da facu oferecendo meu fone de ouvido pros amigos.
Pwhuahuah!
IBTYLGOTD é a cara do indie rock, a cara do Artic e o tipo de música que tu não sabes se te balanças, se corres, grita, canta, pula, rodopia tudo ao mesmo tempo.
E F**** os haters: É CLÁSSICO.
E tenho dito.

fangirl disse...

*Arctic
Tanta emoção que errei o nome.

Claudia Alves disse...

Olá, saudadinha de visitar seu blog que sempre traz novas sugestões. Como essa, por exemplo. Não conhecia essa musica dessa banda, talvez porque eu só conheça a banda por algumas duas outras musicas. Gostei bastante.

Deyse disse...

AAAI, ARCTIC MONKEYS é magnifico
Vc vai no LOLLAPALOOZA ve-los?
Eu voooou *--------------*

Camila . disse...

Que saudade de ouvir essa música! Arctic Monkeys é foda, clássssico com certeza.

Quanto tempo hein, amigo.
Não aparece mais, não?
Como vai a vida?

http://www.papel40kg.com/

Bruno Costa disse...

Uma das bandas que mais ouço atualmente. Músicas bem articuladas, já é uma das grandes dos anos 2000. Foi ótimo ouvir novamente. E os detalhes que trouxe sobre as referências fazem aumentar a vontade de colocar bem alto. E de novo.

Escrevi, finalmente, o final do conto:
http://www.costabbade.blogspot.com.br/2012/03/nos-buracos-do-tempo-parte-3.html

Abraço

Josué Rocha disse...

Ow gostei mesmo das postagens... E das estampas tmb, bem criativas... parabéns.. Estou te seguindo, quando você tiver um tempinho, você podia seguir o meu também?'
http://jpbigblog.blogspot.com.br/

Postar um comentário