terça-feira, 13 de abril de 2010

Sigur Rós - Gong


ALERTA: Este post contém uma música estranha, de uma banda estranha, e pode ser totalmente diferente de tudo que você já ouviu. Se você gostar da música, você é estranho. E diferente.

Evitei entrar com Sigur Rós aqui. Juro que evitei. Mas não tem jeito, seguindo a minha missão de disseminar boas músicas alternativas do cenário internacional, teria que passar por esse momento, divulgar-lhes o que pode não agradar a todos. Sim, caro leitor, tenho plena consciência que não é todo mundo que se identifica com o som de Sigur Rós, e diferente de bandas como Say Hi To Your Mom, onde garanti que a maioria iria se amarrar no som, sei que dessa vez são poucos que podem virar fãs dos islandeses aqui apresentados... Mas visando a possibilidade que esse pouco que curtir pode se apaixonar pela banda, eu sigo com esse humilde post.
Você se pergunta: O que eles tem de diferente de outras bandas? Bom... um dia li uma descrição sobre Sigur Rós que dizia que suas músicas parecem ter vindo de outro planeta. E é essa a descrição que levo a sério. Sigur Rós é algo um tanto extra-terrestre, primeiro porque é uma banda de post-rock, e quem alguma vez já ouviu um som de post-rock, sabe o quanto suas guitarras distorcidas e seus sons melódicos são diferentes do usual.
Segundo - e o mais inusitado - porque o vocalista Jonsi decidiu que sua língua natal (e nenhuma outra pelo mundo) expressava bem o suficiente o que ele queria passar em suas músicas. Nada parecia se encaixar com suas melodias, portanto, criou sua própria língua. Simples, não? O "Vonlenska" (algo como "Hopelandês" em português) é uma língua que supre a necessidade melódica das músicas e não tem uma tradução necessariamente. Você acha bizarro? Eu acho genial!
Por fim, Jonsi é dono de um dos melhores falsetes do mundo da música, e se você não sabe o que é isso, tente imaginar um homem cantando com uma voz fina, sem tornar isso patético ou ridículo, pelo contrário, tornando isso bonito e inspirador. Melhor do que tentar imaginar, dê um play no vídeo e ouça GONG, entendendo assim tudo isso que estou tentando te falar até agora!
Sigur Rós é para se ouvir em dias nublados e enquanto admira uma bela paisagem. Sigur Rós é a tradução de melancolia, misturado com uma estranha alegria. Sigur Rós chega a ser metalinguístico, eles fazem arte dentro da arte! Se você gosta dessa banda, você é estranho e diferente, mas quem afinal disse que isso é ruim?

20 comentários:

Matheus Rego disse...

Opa, tudo bem cara? Encontrei teu blog linkado no do oficinademissoes e vi o titulo do sigur ros! nao pude deixar passar em branco e vim ver do que se tratava! muito bom que voce divulgue uma banda tao pouco conhecida e, no entanto, tao boa! queria te sugerir a leitura de um texto que escrevi sobre eles! adoro a banda tambem! ja linkei seu blog na lista em meu blog!
abraço

Matheus Rego disse...

ah, esqueci de por o link do texto no meu blog!

http://boitedufilm.blogspot.com/2010/03/sigur-ros.html

Daniel Silva disse...

ainda estou me acostumando com o sigur rós. baixei os discos, mas não entendi o hype. é uma boa banda.. e deu.

abraço

Thiago disse...

Sigur Ros! Gostei! hehehe
Grande abraço!

Rúvila Magalhães disse...

você deveria ter dito que a voz do cara é um elemento musical, tipo um instrumento, gostei qndo você me disse isso!
mais um ótimo post meu amor :D
só fico triste que não consigo fazer você tão feliz a ponto de parar de ouvir essas coisas melancólicas demais... :(

e pra constar, eu DEI PLAY NO VÍDEO SIM!

beijos!
te amo, docinho!

musicpris disse...

estou escutando e fiquei ate arrepiada, gostei muito, a música dessa banda tem uma vibe boa podecree é deoutromundo si si si =)

Luciana disse...

Oláaaa ;D' então eu gostei ais ja que ninguém diz que issó é ruim :) hahah ate pesquisei sobre a banda e tals o legal das " divulgações" é que as pessoas começam conhecer melhor as coisas qndo vao a fundo ne? :)
então curti mto All Alright . vaaleu pela ''indicação'
beeeijo e aparece sempre que puder que bom que entende o lado feminino hahah
cheiro.

Camila Passatuto disse...

Já conhecia a banda.

Por ser uma coisa melancólica se torna atormentador o som. (no bom sentido)

Gosto!

Amanda disse...

banda de outro mundo? Irado! nunca ouvi, mas com certeza vou atrás. Valeu pela dica! parabéns pelo blog.

Pobre esponja disse...

Gosto do estranho, e odeio essa palavra, inda mais na música. Sei que a usa para advertir os otários que não entendem que tudo é estranho. Quanto ao som, não curti, mas achei menos estranho que qualquer música da Ivete sangalo e tals.

abç
PObre Esponja

♫ Angélica ♥ Kawai ♪ disse...

Todas as "grandes bandas" já foram "desconhecidas e/ou estranhas"

Não existe na verdade um padrão muito certo..A questão é uma boa divulgação, e gente que goste...

Mas vou confessar.. É MUITO ESTRANHO... kk
Um lúdico muito pessado e melancólico... Até a TV aqui desligou do Nada.. O.O..

Exelente post!
e continue a ajudar os "estranhos"..
Quem sabe pode-se orgulhar de dizer "eu ajudei XD"

luciana disse...

definitivamente sou estranha, pq curti a musica.

nunca havia escutado essa banda, mas é relaxante, gostei mesmo.

continue colocando boa musica aqui, é um refresco pra tanto forro e rebolation que tarolando na rua.

Niemi Hyyrynen disse...

Hey! O menino-que-leva-calotes denovo....

Oie ^^ , ahn....oie.

Muito sei lá isso.

Oi! não não.

Oi, oi tá bom. Oi

Já conheço Sigur Rós, :) fico muito contente que vc esteja divulgando!
Acho que na arte tem muito disso de quanto mais complexa, menos pessoas vão entender e gostar, a arte está na beleza daquilo que não está tão evidente.... [muitos está, redundância]

Talvez daqui uns anos quando tudo isso virar moda, as pessoas passem a gostar..

Ah, obrigada pelos elogios desperdiçados para com o meu humilde "brog".

Meus textos são apenas uma fuga para aquilo que sinto, é tudo muito simples mesmo, como eu.

:) vamos nos falando, t+

Ítalo Richard disse...

Grande Gabriel, primeiro preciso confessar que a música é realmente estranha, a banda é estranha, e é bem diferente daquilo que já ouvi (até esse momento), e como coisas diferentes me atraem, eu gostei, logo sou estranho também, rsrsrsrs. Digo isso, porque ouvi outras músicas a partir da sugerida e a estranheza não ficou restrita a "GONG".
Gosto de tudo que busca originalidade, sem soar pretensioso e forçado. Sigur Rós me transmitiu essa sensação,e o fato do vocalista ter criado sua própria língua faz com que se crie um mundo a parte (que não é possível a todos), o que é, para mim, totalmente original. Até porque algumas coisas são feitas não para serem entendidas, mas para sentir! E eu senti boas vibrações ao som do Sigur Rós.

Boa dica de banda e som, aliás, seu blog é uma fonte!

grande abraço.

www.todososouvidos.blogspot.com

Laura Ribeiro disse...

Acredito que sou terrivelmente estranha então. Afinal, eu AMEI a música que você postou. Dá uma sensação melancólica mas ao mesmo tempo esperançosa dentro de mim.
Ótima postagem, e claro, ótima musica.

Anônimo disse...

sigur rós mexe com qualquer um!

Wander Veroni disse...

Olá!

Confesso que não conhecia essa música, mas assisti o vídeo e gostei do som. É bem melancólico, mas é muito bem arranjado. Parece até trilha de filme...hehehe.

Abraço,

http://cafecomnoticias.blogspot.com

karinacasola disse...

Não conhecia a banda,
mas curti muito quando ouvi o som.. sei lá (sou estranha) kkk que bom que você a postou por aqui..

http://www.balalaico.blogspot.com/

Anônimo disse...

A primeira vez que eu ouvi Sigur Rós,
foi no filme '' Remember Me'', eu chorei :B aoksdaskkos, mas não foi por causa da cena do casal, mas sim por causa da intensidade que a musica me causou.
Quando baixei a discografia, me surpreendeu a cada musica que eu ouvia.
Eu até mostrei à alguns amigos, mas eles achavam que eu estava com depressão pra ouvir musica tão melódicas.
Mas é algo inexplicável descrever a banda.
Muito bom o post, arrepiei *--*

Igor disse...

Vixe, olha o tanto de gente com bom gosto musical aqui! Também gosto muito de Sigur Rós (e até hoje não sei como se pronuncia o nome da banda), e a musica deles favorita é Hoppipolla XD

Postar um comentário